Impacto na conta de luz dos consumidores será de 5%, segundo especialistas.

Com a falta de chuva nos principais reservatórios das usinas mais importantes do país, a energia encarece.

Como já explicamos em posts passados (clique aqui e saiba mais), a bandeira tarifária na conta de luz depende diretamente da quantidade de chuva, ou melhor, da disponibilidade de água para gerar eletricidade.

A bandeira vermelha, que foi acionada em abril e maio, deve voltar a encarecer a conta no mês que vem. “Agosto já vai ser um mês de bandeira vermelha e o impacto disso na nossa conta vai ser um aumento de R$ 0,03 por quilowatt/hora e isso representa cerca de 5% de aumento na nossa conta de luz”.

Fonte: O GLOBO